• Portal Tijuca-RJ

Ong ajuda mulheres do Morro dos Macacos, na Zona Norte do Rio

O grupo Anjos da Tia Stellinha reúne mulheres da comunidade e oferece aulas de capacitação e apoio psicológico para colocação no mercado de trabalho.

Um grupo de mulheres do Morro dos Macacos, em Vila Isabel, na Zona Norte do Rio, vem vencendo a crise e conseguindo destaque em suas atividades comerciais. E o ponto em comum para todas as histórias de sucesso é a Ong Anjos da Tia Stellinha.



O grupo oferece cursos de capacitação, aulas sobre direito e educação, além de apoio psicológico e orientação para colocação no mercado de trabalho. O projeto pretende ajudar principalmente as mães da comunidade que buscam orientações para abrir um negócio ou melhorar o que elas já fazem.



O trabalho desenvolvido pela Ong já transformou a vida de muita gente, entre elas está Ana Paula Silva, ou somente Ana Paula do Bronze, que aprendeu com o grupo o que fazer para vencer vendendo óleos bronzeadores.



"A Stelinha me convocou para participar do grupo. Eu não sabia como divulgar o meu trabalho, não sabia como falar com as pessoas, não tinha noção de nada. Antes eu tinha vergonha de falar do meu produto. Hoje não. Hoje eu vou com a cara e a coragem e a força de vontade", contou Ana Paula.


Para Ana Carolina, que vende doces há quatro anos, a ajuda do grupo fez dela uma chefe de família orgulhosa de suas conquistas.



"Eu que comando na minha casa, eu que pago as contas e resolvo todos os problemas. Eu trabalho com doces há quatro anos por conta própria. Hoje, eu vejo que passei por coisas que eu não imaginava passar. Eu me vejo muito mais forte, mais guerreira e com vontade de crescer ainda mais que eu já cresci", relatou Ana Carolina.


Para a psicóloga da Ong, Lívia Marques, o trabalho em equipe faz as mulheres da comunidade ganharem confiança para encarar as dificuldades.



"Todo processo de racismo que a gente já vive, todo processo de falta de possibilidade e projeção positiva faz com que esses sonhos vão sendo enterrados. Então trabalhar sonhos e toda potência que elas têm é muito importante para que a gente possa ter força. Força é a palavra", explicou Lívia.


Até o mês de setembro, a ong já tem agendada 14 aulas com temas variados que podem ajudar quem precisa de apoio para vencer a crise, que ficou ainda mais forte com a pandemia da Covid-19.




Fonte: G1.com

4 visualizações

Assine a minha newsletter

© 2020  Portal Tijuca-RJ - O seu bairro da internet

E-mail: contato@tijuca-rj.com.br

  • Facebook
  • Instagram