• Portal Tijuca-RJ

Jardineiro do Hospital do Andaraí é preso no lugar do irmão, e criminoso está morto, diz família

Wilton Oliveira da Costa estava trabalhando quando foi levado para a delegacia, acusado de participar de um roubo de uma moto.



Família afirma que Wilton (à esquerda), foi preso no lugar do irmão, William, que foi morto em uma operação policial em fevereiro — Foto: Reprodução/ TV Globo



A família de um homem que trabalha como jardineiro no Hospital Federal do Andaraí afirma que ele foi preso por engano no lugar do irmão. Wilton Oliveira da Costa estava trabalhando quando foi levado para a delegacia, acusado de participar de um roubo de uma moto.



Os familiares afirmam que Wilton foi confundido com o irmão, William, que era criminoso e foi morto em fevereiro deste ano em uma operação policial. Wilton é estudante de Educação Física e jardineiro no hospital desde 2012.



“É muito revoltante saber que ele tá lá dentro pagando por um crime que ele jamais cometeria”, afirmou Marcelle Oliveira, que vive com Wilton há 13 anos e tem uma filha com ele.


Wilton foi preso por não ter sido localizado e nem respondido às intimações que, segundo a esposa, nunca chegaram a ele. Por causa da pandemia do coronavírus, Marcelle não conseguiu autorização para visitá-lo na cadeia.



A família e os amigos afirmam que ele foi confundido com William, que costumava usar os documentos de Wilton sem o consentimento dele.



Fonte: G1.com

2 visualizações

Assine a minha newsletter

© 2020  Portal Tijuca-RJ - O seu bairro da internet

E-mail: contato@tijuca-rj.com.br

  • Facebook
  • Instagram