• Portal Tijuca-RJ

Degusta Tijuca foi considerado o melhor evento dos últimos tempos


Imagine a cena!



Devorar um sanduíche com leitão desfiado, no pão, com molho de abacaxi, elaborado pelo Leitão Guerreiro... Ou ainda cair de boca, literalmente, em outro sanduba com mortadela defumada, queijo da serra da canastra e maionese caseira de rúcula, do Boteco do Raoni... Se acabar no brigadeiro meio amargo com granulado dourado do Atelier Bella.Ro, e depois se esbaldar nas cervejas Heineken, e das artesanais Eisenbahn (IPA) e Baden Baden (Witbier).... Além de vinhos e drinques elaborados com a cachaça artesanal fluminense 7 Engenhos. Imaginou???





Pois é, essas e muitas outras tentadoras dicas estavam no cardápio do Degusta Tijuca, que reuniu veteranos e novos sabores por 3 dias (20, 21 e 22 de novembro) no projeto Arena Tijuca – nova área de eventos público-privados na Rua Uruguai, coração da Tijuca. Idealizado pelo restaurateur Otto, considerado uma referência na região, contou com curadoria do jornalista Pedro Landim, expert em gastronomia, e o reforço da nutricionista Érica Knaesel.




Evento realizado pele Superintendência da Grande Tijuca em parceria com comerciantes do bairro, com o objetivo de fomentar a economia, reunindo sabores variados focados no comércio da região, além de convidados de outros bairros. Claro, logo ganhou aderência, ainda mais nesse momento de retomada e revitalização do lazer. 20 tendas foram montadas, ao ar livre e espaçadas, para seguir as normativas de combate à pandemia.



Segundo Erica Knaesel, nutricionista e sócia da Nutriservice Consultoria - "O controle higiênico sanitário em grandes eventos é importantíssimo, mas quando se trata de uma pandemia, ela se torna fundamental. No nosso planejamento pautamos diariamente a sanitização de todas as instalações. Além de treinamento de capacitação de toda a equipe e parceiros da gastronomia, junto com a vigilância sanitária, onde foi focado para que todos tivessem as boas práticas higiênicas sanitárias adaptadas para momento, inclusive na tratativa com clientes"




Nas duas entradas do corredor com acesso as tendas, os seguranças o aplicavam álcool e só liberaram a entrada portando máscara. Sem falar, que cada tenda tinha disponível de 2 a 3 garrafas de álcool em gel no balcão. Destacando as pias móveis localizadas por todo o evento, não apenas para a equipe de manipulação, como também para os visitantes.



"Realizei um grande sonho que estava paradinho, devido a pandemia. Mas enfim, pude receber empreendedores da Tijuca e outros bairros. O saldo foi positivo para todos. O Degusta Tijuca foi um sucesso, não sou apenas eu que digo, ouvi de muitos, famílias com até três gerações vieram prestigiar. Como grande incentivador da área, fico em êxtase e confiante para que esse projeto cresça ainda mais. Aliás, já estou avaliado propostas", vibra Otto.



Os números impressionam: área cercada de 2.400m², com uma expectativa de público além do esperado, porém, sem aglomeração. Gerou mais de 300 empregos, diretos e indiretos.

O Buffet Guanabara vendeu em torno de 700 escondidinhos, representando 100% de aumento no seu faturamento mensal, em 3 dias bateram a margem de venda do mês de outubro. Os docinhos da Bella.Ro tiverem um faturamento no 1º dia de 200%, no 2º de 300% e no 3º dia de 350%. Um saldo mais que positivo.

"Foi incrível participar de um evento que valorizou ainda mais a gastronomia e o comércio da nossa Tijuca. Estamos muito felizes com o resultado que deu para nossa marca, onde pudemos mostrar para mais pessoas nossas gostosuras. Que venham mais edições", atesta empolgada Roberta Terra, do Atelier Bella.Ro, que abriu há 2 meses próximo no local.

Aberto na sexta-feira, dia da Consciência Negra (20), nada como ter o iguarias africanas e suas tendências, onde Rosa Perdigão, com seu Cheirinho de Dendê, e a cozinha de afeto de Bárbara dos Santos, do Caldo da Nêga fizeram o maior sucesso.




Êxito também para Hob Hamburgueria, com sua Costela BBQ, além das cervejas variadas, vinhos em taça e drinques elaborados com cachaças artesanais. Assim como para Angu do Gomes, Boteco do Raoni, Elo Perdido, Manda!, Nostro Bistrô, Otto, Wineway e Wursteria.



O Degusta Tijuca ganhou um palco para shows, que passearam do samba ao jazz, da MPB ao black music, onde alguns cantores revezaram sets no decorrer da tarde e início da noite, mas claro, cumpriram as regras, respeitando os horários determinados.

Das muitas inovações, o Frango do Guerreiro Tijuca virou Leitão do Guerreiro na 1ª edição do evento. O La Bruschetteria, lançou sua marca no Degusta Tijuca.



"Foi uma ótima oportunidade para a revitalização da Tijuca, o Degusta Tijuca, provou que juntos somos muito mais fortes, onde o conceito de união e econômica colaborativa foram essencial para o sucesso do evento. Nos deu a oportunidade de lançar uma nova marca", comemora Isabela Coulaud, do La Bruschetteria.



O Baródromo trouxe boas novas no Degusta Tijuca, está voltando com tudo e reabre em breve para engrandecer a cultura tijucana dos bares e do Carnaval. Sorte a nossa!



E assim, o Degusta Tijuca fechou no domingo a noite, com a missão e compromisso em realizar em breve a segunda edição.

9 visualizações0 comentário

Assine a minha newsletter

© 2020  Portal Tijuca-RJ - O seu bairro da internet

E-mail: contato@tijuca-rj.com.br

  • Facebook
  • Instagram