• Portal Tijuca-RJ

Centro da Música 13 anos - Programação de Junho de 2020

Atualizado: Jun 2




O Centro da Música Carioca Artur da Távola, completará 13 anos no mês de junho e uma programação especial foi preparada para que os frequentadores do espaço possam receber nas suas casas toda emoção e alegria de alguns dos shows que aconteceram neste palco durante todos estes anos. Assim, todos poderão fazer parte desta festa e aplaudir mais uma vez estes artistas que fazem parte desta história e que mantem viva a música brasileira!


Dentre os artistas confirmados estão Eliana Pittmann, Gilson Peranzzetta e Leny Andrade, Byafra, Tia Surica, Áurea Martins, Roberto Menescal & Cris Delanno, Evinha, João Donato e Joanna.




SEGUE A PROGRAMAÇÃO DA PRIMEIRA SEMANA DE 03 / 06 / 2020 ATÉ 07 / 06 / 2020



  • 03/06 – Quarta- feira – 16h

  • Carlos Colla

  • Carlos Colla (voz e violão).





O show é uma emocionante viagem musical, onde o compositor Carlos Colla reúne alguns dos seus sucessos eternizados pelas vozes do melhor da nossa MPB, no repertório, canções que fizeram sucesso na voz de Roberto Carlos, Chitãozinho e Chororó, Menudo, Tim Maia, Alcione, Legião Urbana, Emilio Santiago, Daniel, Bruno e Marrone, Zezé de Camargo e Luciano, Sandra de Sá e Leonardo.





  • 04/06 – Quinta-feira – 20h

  • Tia Surica canta Clara Nunes





Tia Surica, nos presenteou com este lindo tributo a inesquecível Clara Nunes. Um show regado a muita emoção onde a "guerreira mineira", é lembrada e reverenciada com muito carinho e admiração pela nossa pastora da Portela. No roteiro as inesquecíveis canções: "Conto de areia", "Portela na Avenida", "Lama", Canto das Três Raças", "Guerreira", entre outras.





  • 05/06 – Sexta-feira – 20h

  • Eliana Pittman

  • Participação: Jimmy Santa Cruz





Eliana Pittman iniciou sua carreira aos 14 anos, ao lado do padrasto Booker Pittman, emérito clarinetista e saxofonista norte-americano dos primórdios do jazz, que adotou o Brasil como morada. Atuou ao lado do pai em pocket-shows, shows performáticos que foram moda, – alguns inclusive viraram disco –, no rádio e na televisão, sempre com muito sucesso.


Cantora de atuação marcante no Brasil e exterior e uma das pioneiras show-woman brasileiras, aos 73 anos, em plena atividade, Eliana Pittman canta, dança e se comunica perfeitamente com o público. Além disso, para quem acaba de completar 43 anos de carreira, está em ótima forma, esbanjando charme, beleza e vitalidade.





  • 06/06 – Sábado – 18h

  • Byafra





Com mais de 35 anos de carreira, o cantor e compositor Byafra apresentou o show "35 anos de sucesso" no dia 28 de abril de 2018. O espetáculo marcou o início da turnê de lançamento do CD "Byafra - Ao vivo". No repertório, ele promete grandes sucessos em novelas da TV Globo como Helena (Marrom Glacê), Vinho Antigo (Jogo da Vida), Seu Nome (A Gata Comeu), Te amo (Salomé) e Fantasia (Mulheres de Areia), além dos mega sucessos Leão Ferido; e Sonho de Ícaro.





  • 06/06 – Sábado – 20h

  • Joanna





Desde a sua estreia, Joanna optou por cantar e compor nas suas mais variadas tendências, mas seu canto romântico sempre teve destaque maior. Seu timbre de voz suave mas potente para canções românticas sempre fizeram muito sucesso da crítica e do público, a consagrando ao longo dos anos como uma das melhores cantoras do país.


Seu primeiro LP gravado foi Nascente, que vendeu oitenta mil cópias e a ele pertence o primeiro grande êxito popular da carreira, a canção "Descaminhos" (parceria sua com Sarah Benchimol). Dentre as músicas de começo de carreira que fizeram estrondoso sucesso pelo país, temos: Cicatrizes" (Joanna/ Solange Böeke), "Seu corpo''(Roberto e Erasmo Carlos) e "Agora" (Gonzaguinha).





  • 07/06 – Domingo – 11h

  • Duo Santoro





Formado pelos gêmeos, Paulo e Ricardo Santoro, único de violoncelos em atividade permanente, o Duo Santoro estreou em 1990 e já se apresentou nas principais salas de concerto do Brasil, dentre elas a Sala Cecília Meireles, Teatro Municipal, Centro Cultural Banco do Brasil, Salão Leopoldo Miguez, FINEP, Candelária, Teatro Carlos Gomes e Museu da República no Rio de Janeiro, e nas cidades de Niterói, Campos, Macaé, Petrópolis, Teresópolis, Resende, Rio das Flores, Juiz de Fora, Poços de Caldas, Belo Horizonte, Fortaleza, Recife, Brasília, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Cuiabá, Campo Grande, Palmas e Goiânia.


Seus recitais incluem um leque eclético de estilos que vai do erudito ao popular, passando pelo clássico, romântico e moderno. As transcrições e arranjos para violoncelos são assinados, na sua maioria, pelo próprio Duo.





  • 08/06 – Domingo – 16h

  • Parampampam em Olha que eu viro bicho






O Parampampam é um grupo de música para criança com um trabalho que valoriza a diversidade rítmica, compartilha alegria e navega pelo imaginário infantil.


O espetáculo "Olha que eu viro bicho!" traz o repertório do primeiro CD do grupo, lançado em 2017 (e disponível em todas as plataformas digitais), e apresenta ao público canções que trazem os bichos como protagonistas com características humanizadas diversas, curiosas, gerando afeto e proximidade com as crianças.

Assine a minha newsletter

© 2020  Portal Tijuca-RJ - O seu bairro da internet

E-mail: contato@tijuca-rj.com.br

  • Facebook
  • Instagram