• Portal Tijuca-RJ

Bombeiros interditam quadra da Mangueira por 'desrespeito às regras de combate à Covid'


O Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro decidiu interditar, nesta sexta-feira (11), a quadra de ensaios da escola de samba Estação Primeira de Mangueira, na Rua Visconde de Niterói, na Favela da Mangueira, Zona Norte do Rio.



De acordo com a nota divulgada pela corporação, a escola fez "eventos não autorizados que desrespeitaram as regras de ouro de enfrentamento à Covid-19". No comunicado, o Corpo de Bombeiros afirmou, ainda, que o local está em situação irregular junto à corporação.



"O local não conta com Certificado de Aprovação (CA). Uma vistoria identificou irregularidades que caracterizam perigo sério e iminente e que impedem a realização de eventos públicos", afirmou o comandante-geral do Corpo de Bombeiros e secretário de Defesa Civil, coronel Leandro Monteiro.


Segundo os bombeiros, a decisão foi baseada em decreto estadual e seria comunicada à Prefeitura do Rio, à Polícia Civil, à Polícia Militar e ao Ministério Público estadual.



Procurada pelo G1, a escola de samba informou que a documentação para a legalização do estabelecimento "já está em andamento" e que o atraso se deu por conta da pandemia de Covid-19.




Normas e fiscalização


Em decreto no dia 5 de novembro de 2020, o Estado do Rio definiu produtores de eventos devem garantir o distanciamento social, o uso de máscara facial e a oferta de álcool em gel 70% para o público e uma lotação máxima de 50% da capacidade total.



O Corpo de Bombeiros informou que, desde o dia 25 de novembro, grupos de intervenção rápida fazem fiscalizações noturnas em eventos abertos ao público. A corporação alerta que os estabelecimentos que não cumprirem as normas estabelecidas poderão ser interditados e ter as licenças cassadas.



Até o momento, os bombeiros já realizaram mais de 340 procedimentos administrativos, entre emissão de notificações, auto de infrações e interdições.



O Corpo de Bombeiros lembrou, também, que cabe aos administradores dos estabelecimentos estarem em conformidade com as medidas de segurança contra incêndios e pânico e cumprirem as determinações e legislações vigentes.



Íntegra da nota da Mangueira:


"O Grêmio Recreativo Escola de Samba Estação Primeira de Mangueira, com a finalidade de esclarecer sobre a interdição da sua quadra, na data de hoje (11), pelo Corpo de Bombeiros, informa que a documentação para sua legalização já está em andamento, a fim de cumprir todas as exigências necessárias para a segurança de todos os seus frequentadores.



O atraso se deu por conta da pandemia do novo coronavírus, o que dificultou as ações por parte da diretoria da agremiação.



Importante ressaltar que a instituição preza pela vida e saúde de todos e tem demonstrado isso em suas ações desde o início das restrições por conta da Covid-19. Confiamos que em breve teremos esse problema resolvido e nosso templo do samba restabelecido."


Fonte: G1.com

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo